A queda de cabelo e a escova progressiva

13 dezembro 2010

Após fazer escova progressiva os fios podem cair ou se partir.
Inclusive, não só a 
Escova Progressiva como qualquer outra química.

Por exemplo:

Quando a ação do produto alisante for forte demais para o tipo de cabelo. Um teste prévio em uma pequena mecha da nuca ajuda a decidir entre as fórmulas suave, normal ou forte.

Por isso pesquise o produto muito bem antes e veja se é adequado ao tipo de seus fios.

Outro motivo mais frequente para fios partidos é a forma de aplicação. Siga criteriosamente a Bula ou o Passo a Passo do produto.

Se fizer a chapinha com os cabelos ainda úmidos e por isso uma escovação perfeita é importantíssima.

Puxar as mechas na escova com muita força. Aja couro cabeludo também para aguentar!

Práticas, como pentear ou escovar os fios muito molhados, aceleram a perda dos cabelos com químicas ou sem químicas.
O fio molhado pode ser mais fácil de desembaraçar, mas por outro lado já está com a elasticidade máxima, oferecendo maior facilidade de rompimento e extração da haste. Existem produtos que contém silicone que facilitam o penteado, diminuem o atrito da escova, além de proporcionar efeito antifrizz (arrepiado).

Então entendemos que a Escova Progressiva é, antes de tudo, um tratamento intensivo dos fios. Indicado para todos os tipos de cabelo. Quanto mais química tiver no cabelo, melhor o resultado.


0 Amo comentários :

Postar um comentário